Pescoço e papada: como tratar?

O que é e como fazer rotina ginecológica?
Rotina ginecológica
25 de junho de 2020
O corrimento vaginal pode se tornar um problema e precisa ser diagnosticado pelo ginecologista.
Corrimento vaginal
9 de julho de 2020
A região do pescoço e da papada muitas vezes são esquecidas e não tratadas, mas também envelhecem. Saiba o que pode ser feito para cada queixa relacionada.

A região do pescoço e da papada muitas vezes são esquecidas e não tratadas, mas também envelhecem. Saiba o que pode ser feito para cada queixa relacionada.

Pescoço merece atenção, porque também envelhece

Hoje eu vou falar um pouquinho sobre os cuidados com a pele do pescoço e na região da papada. O que dá para gente fazer? O que a gente consegue melhorar e até amenizar nessa área? 

Com o processo do envelhecimento a gente acaba esquecendo de tratar algumas áreas do corpo, entre elas a região do pescoço, da papada e do colo.

A gente foca muito no rosto e vai esquecendo dessas outras áreas que são muito importantes. E o pescoço realmente entrega a idade. 

Muitas vezes as pacientes vêm ao nosso consultório com uma queixa de papada, de região de flacidez, às vezes até um pouquinho de gordura nessa região. 

Pescoço  

Quais os tratamentos com os quais a gente consegue melhorar e até amenizar essa área?

O primeiro que eu geralmente converso com as minhas pacientes é em relação à aplicação da toxina botulínica no músculo platisma. 

A gente tem uma musculatura que vai puxando a face para baixo com o processo de envelhecimento. 

Esse músculo vai enfraquecendo e deixando a gente com a perda da definição do contorno na região da face. 

A toxina botulínica é um ótimo aliado para melhorar tanto o contorno quanto essa região de flacidez do pescoço. 

Um outro tratamento que eu gosto muito de sugerir é associação de uma tecnologia conhecida como Ultraformer com bioestimuladores de colágeno. 

Ultraformer é um ultrassom macrofocado que vai gerar pontinhos de coagulação dentro da musculatura, tonificando-a. É um tratamento para flacidez.

Na mesma sessão a gente associa um injetável, um bioestimuladores de colágeno que pode ser o Sculptra ou o Radiesse. 

Geralmente são necessárias três sessões para a gente obter resultados satisfatórios. Nesse caso o foco é a flacidez. 

E para aquelas linhas finas que vão se formando no pescoço no decorrer da idade? 

A gente pode associar o microagulhamento robótico com um skinbooster ou até preenchimento das linhas finas. 

Com o microagulhamento são inseridas 25 agulhinhas banhadas a ouro na pele e ele emite ondas de radiofrequência para estimular colágeno na região. 

Os resultados desse tratamento associado também são muito satisfatórios. 

Geralmente precisa de mais de uma sessão para gente obter melhores resultados e essa associação vai tratar melhor a região do pescoço.  

Papada 

Muitas pacientes vem aqui no consultório querendo melhorar essa região da papada. 

Essa região, às vezes, reflete muito a flacidez da nossa pele, a flacidez do rosto. 

Às vezes os pacientes tem um pouquinho do mento, ou seja, da região do queixo um pouquinho mais para trás. 

O simples fato de fazer um preenchimento no mento já pode amenizar essa região da papada, além de também definir um pouquinho do contorno facial. 

Para quem realmente tem uma flacidez associada a um acúmulo de gordura, eu gosto de orientar em relação a tratamentos estéticos como o Coolsculpting. 

Ele nada mais é do que um congelamento dessa região de gordura que vai amenizar a papada e definir melhor o contorno facial. 

Vocês viram que são inúmeros os tratamentos que a gente consegue fazer tanto para o pescoço quanto para papada. 

Junto com todas essas técnicas eu gosto também de fazer uma manutenção com a radiofrequência, que a gente vai fazendo para estímulo de colágeno, para permanecer com a jovialidade da nossa pele.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *